Olhar de pássaro
.
Existo no olhar do pássaro
Quando chove ou faz sol
Ambos ensaiam meu canto
.
A máscara do pássaro voou
Seu canto ecoou nas ruas
Forte como pingo de chuva
.
Cisco na garoa da chuva
Como grãos que desconheço
Canto para o além do viver
.
Uma luz branca sai do meu peito
Fico cega de tanto mal me quer.
.
Claudia Almeida
07/03/2011

Nenhum comentário: